Início » Consórcio » Como funciona uma assembleia de consórcio?

Como funciona uma assembleia de consórcio?

Entenda aqui como funciona uma assembleia de consórcio

O consórcio é um velho conhecido de quem precisa de crédito e não quer pagar juros ou taxas abusivas. O consórcio trabalha para facilitar a sua vida financeira, te ajudando a comprar aquele bem tão desejado e para isso organiza assembleias mensais. Quer contratar mas não sabe como funciona uma assembleia de consórcio? Acompanhe a leitura e tire todas as suas dúvidas!

O que é consórcio?

O consórcio é uma das maneiras de conseguir conquistar um bem mesmo sem, de fato, ter dinheiro em mãos. Assim como o financiamento e o empréstimo, o consórcio é uma modalidade de crédito que funciona com algumas particularidades.

Para entendermos na prática, vamos a um exemplo: digamos que você tem um desejo antigo de comprar um carro. No entanto, quer planejar essa compra e não tem tanta pressa para usufruir do automóvel.

Nesse caso, a melhor opção de crédito é o consórcio. Isso porque podemos considerar essa modalidade de crédito como uma compra a longo prazo. Ou seja, você só recebe o bem após pagar todas as parcelas.

Agora vamos voltar ao nosso exemplo. Para prosseguir com a compra você irá procurar uma administradora de sua confiança registrada pelo Banco Central, apresentar os valores relacionados ao automóvel, em quantas prestações e por quanto tempo deseja pagar.

A administradora entenderá sua realidade e te colocará em um grupo com membros que também desejam comprar um carro. Então todos os integrantes alimentarão uma poupança para a compra desse bem comum desejado.

Mas, para agilizar o processo de compra, as empresas responsáveis organizam mensalmente um encontro chamado de assembleia.

Como funciona uma assembleia de consórcio?

É importante dizer que o consórcio possui regras próprias estabelecidas pelo Banco Central com o intuito de evitar golpes e garantir o funcionamento desse crédito sem que nenhum integrante dos grupos se sinta lesado. Isso quer dizer que o Banco Central é o responsável por determinar a organização das assembleias.

As assembleias são as reuniões de todos os integrantes do grupo de consórcio para a realização de sorteios das cartas de crédito e a possibilidade de ofertar lances. Tudo isso é feito visando antecipar a sua contemplação, para que não seja necessário precisar esperar tantos meses para adquirir o bem consorciado.

Para que os grupos operem da melhor maneira possível, as assembleias são divididas em dois tipos: a assembleia geral ordinária e a extraordinária. Cada uma tem a sua funcionalidade, por isso, veja a seguir suas diferenças e objetivos!

Assembleias gerais ordinárias

As assembleias gerais ordinárias tratam de assuntos de interesse de todos, como prestação de contas da empresa com os consorciados, sorteios de cartas de crédito e oferta de lances. Obrigatoriamente, seguindo as regras do Banco Central, esse tipo de assembleia ocorre todos os meses.

Assembleias gerais extraordinárias

Diferente das assembleias ordinárias, esse tipo de encontro não possui uma periodicidade estabelecida e pode ser realizada para resolver assuntos que não foram abordados durante as assembleias mensais. Elas podem ser solicitadas pelas administradoras ou por pelo menos 30% dos membros totais do grupo de consorciados, com pelo menos 8 dias de antecedência.

Podemos dizer que esse tipo de assembleia está voltada para tratar assuntos excepcionais, por exemplo, caso o bem almejado pelo grupo tenha sua produção interrompida ou saia do mercado. Nesse caso, a administradora irá marcar uma assembleia extraordinária para aprovar uma substituição de bens.

Como funciona a contemplação durante as assembleias?

Como já falamos, as assembleias são uma ótima oportunidade para antecipar a contemplação da carta de crédito e conseguir agilizar a compra do bem que você tanto deseja. A antecipação é possível por meio dos sorteios ou pela realização de uma oferta de lance.

Sorteios

Os sorteios são a maneira mais democrática de conseguir antecipar a sua carta de crédito. Ele funciona como um bingo e algumas administradoras utilizam os números da Loteria Federal. A própria empresa responsável pelo consórcio também pode realizar o sorteio.

Apenas os consorciados que estiverem com o pagamento em dia podem participar e a empresa deve informar quantas cotas serão sorteadas antes de iniciar o processo. Desse modo, você pode ter mais chances de ser o sortudo da vez e conseguir sua carta de crédito.

Lances

Os lances funcionam como um leilão, porém eles não são ofertados na hora da assembleia. É possível realizar os lances até algumas horas antes do encontro.

Com ele, você se compromete a adiantar uma quantia determinada que corresponde ao valor das parcelas. O melhor lance conquista a carta de crédito e recebe o dinheiro do consórcio para compra do bem.

Há diferentes tipos de lances. Conheça:

  • Livre: o lance livre é uma oferta feita a partir dos seus próprios recursos ou então com parte do próprio crédito (como o lance embutido);
  • Fixo: no lance fixo você tem um limite de valor para dar de lance. Sendo assim, a quantia que será ofertada deverá estar dentro dessa margem que foi estabelecida em contrato e aprovada por ambas as partes;
  • Embutido: o lance embutido é menos comum e funciona quando você oferta parte da carta de crédito como lance. E, se você for contemplado, o valor é descontado da quantia destinada para compra do bem.

Essas formas de ofertar lances são as mais comuns, mas cada empresa possui sua forma de operação e podem disponibilizar outros tipos de oferta.

Além disso, em certas administradoras, é possível ofertar um bem. Por exemplo, se você tem um carro que vale R$30 mil, a empresa pode aceitar seu lance com esse valor e, se você for contemplado, ela pega o seu carro como pagamento.

Cada administrador pode determinar suas regras para oferta, o que pode não ser a melhor escolha para alguns tipos de consórcio. Se ficou com dúvida sobre qual o melhor lance para o seu consórcio, indicamos que você consulte os serviços da administradora para conseguir ofertar o lance vencedor e usufruir do bem almejado.

Onde acontecem as assembleias?

Antigamente, a reunião presencial entre os consorciados para a realização das assembleias era comum. Mas visando o bem estar de todos os colaboradores e clientes, as reuniões estão acontecendo de forma remota.

Dessa forma, também é possível gravar as assembleias e disponibilizá-las aos novos consorciados, pois eles podem calcular quais as ofertas vencedoras, como o grupo está organizado e outros detalhes. Essa facilidade permite estimar quanto você precisa para realizar um bom lance e ter acesso a sua carta de crédito.

Como contratar um bom consórcio?

Para encontrar um bom consórcio, você precisará dedicar um tempo considerável pesquisando empresas registradas e de confiança. Com a alta procura por esse tipo de crédito, algumas instituições financeiras já disponibilizam consórcio com várias vantagens para quem é cliente.

Agora que você entendeu como funciona uma assembleia de consórcio e está se perguntando se esse tipo de crédito é para você, realize uma simulação online. De forma rápida e segura, o simulador te mostrará quais as melhores administradoras e o valor das parcelas.

Ficou interessado? Então realize a sua simulação de consórcio aqui na Zela Finanças!

nv-author-image

Rebeca Müller

Rebeca Müller é formada em Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e especializada em Finanças pelo Instituto Coppead de Administração da UFRJ. Depois de 11 anos atuando diretamente com Planejamento Financeiro e Orçamentário em empresas privadas e órgãos públicos, Rebeca descobriu uma nova vocação: comunicação. Hoje, ela escreve para a Zelas Finanças, e seu conteúdo conta com a rica bagagem que acumulou ao longo de sua trajetória no mercado financeiro.

Marcações: