Início » Dicas » Conheça os melhores bairros de Porto Alegre para viver

Conheça os melhores bairros de Porto Alegre para viver

Conheça os melhores bairros para viver em Porto Alegre - eles são muitos!

Quais são as principais exigências para quem está pesquisando mais sobre os bairros de Porto Alegre? Essa é uma pergunta difícil de responder, afinal, cada pessoa tem prioridades diferentes. A boa notícia é que a capital gaúcha possui regiões para todos os gostos e perfis.

Neste artigo nós listamos alguns dos melhores bairros de Porto Alegre. Há escolhas mais voltadas para o conforto das famílias, outras para quem deseja ficar perto da natureza e também alternativas para quem preza por facilidade e uma boa localização.

Confira a lista e veja o que mais combina com o que você procura!

Moinhos de Vento

Um dos bairros mais tradicionais e nobres de Porto Alegre, o Moinhos de Vento é conhecido por suas áreas verdes e seguras para curtir com a família. Quem mora por ali tem como opção passar os domingos no famoso Parque Moinhos de Vento, mais conhecido como Parcão, onde os gaúchos gostam de sentar para tomar chimarrão e aproveitar os dias de sol.

Qualidade de vida e boa infraestrutura são as principais características desse bairro, que é super bem localizado e próximo do Centro Histórico. É um bairro residencial e tranquilo, mas também oferece uma boa gama de lojas, além do Shopping Moinhos de Vento.

Ainda é neste bairro porto-alegrense que fica a badalada Rua Padre Chagas, que é praticamente toda formada por restaurantes, bares e festas. É ali que muitos jovens porto-alegrenses se encontram na noite, mas durante o dia as ruas são tranquilas e seguras.

Bom Fim

Outra região super tradicional da capital é o Bom Fim, sede de um dos lugares mais clássicos do cenário gaúcho, o Parque Farroupilha, mais conhecido como Redenção. Porto Alegre mostra muito de sua cultura e diversidade pelas redondezas do Parque.

Com ruas aconchegantes, o bairro tem uma população muito variada, de estudantes que moram nas redondezas da UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) até uma grande comunidade judaica, pois o bairro possui algumas sinagogas.

O Bom Fim é bem centralizado, o que permite fácil acesso ao transporte público. Na Avenida Osvaldo Aranha é possível encontrar muitas opções de comércio, e a Redenção é sede da clássica feira de alimentos orgânicos da região.

Os imóveis por lá são, em sua maioria, mais antigos, já que esse bairro faz parte da história de Porto Alegre desde o seu início. Um dos pontos negativos é que, por atrair muita gente, pode ser um pouco inseguro em algumas áreas, principalmente à noite.

Jardim Botânico

Perfeito para quem busca fugir um pouco do movimento do centro da cidade, o Jardim Botânico é uma das áreas mais verdes para se viver. Mas embora seja mais tranquila, ainda é uma região bem acessível e centralizada, próxima de outros bairros importantes de POA. A qualidade de vida para famílias é uma das principais características desse bairro, repleto de excelentes condomínios.

Recebe esse nome pois é o bairro sede do Jardim Botânico do município. O parque é enorme e ocupa vastos 39 hectares de pura natureza. Ainda assim, a área oferece as facilidades da vida urbana, como o Shopping Bourbon Ipiranga e a Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), uma das melhores universidades do estado.

Bela Vista

Considerada uma das regiões mais seguras de Porto Alegre, o bairro Bela Vista é majoritariamente residencial, com muitos apartamentos de alto padrão. É um bairro muito bem estruturado, com boas opções de comércio, e próximo de pontos como os melhores colégios da capital, shoppings e hospitais.

A Avenida Carlos Gomes facilita o acesso do bairro com outras regiões como Petrópolis e Três Figueiras. A localização é valorizada também pela boa oferta de restaurantes, muitos deles renomados e visitados por gente da cidade toda.

Procurado por famílias com bom poder aquisitivo, esse bairro de Porto Alegre possui diversas opções de lazer ao ar livre. Um dos locais preferidos dos moradores é a Praça da Encol, que conta com playground, quadras de esportes e frequentes eventos com food trucks e feiras.

Tristeza

A Zona Sul de Porto Alegre é conhecida por suas belas paisagens e o bairro Tristeza é uma das melhores opções para quem deseja morar nesta região. Por ser uma área residencial não tão densamente populada, oferece segurança e calmaria para seus moradores.

Parte importante do bairro apelidado de “Cidade Jardim” é banhada pelo Lago Guaíba, e é ali que muita gente se encontra para tomar chimarrão e fazer exercícios como caminhada e corrida. As opções de comércio e restaurantes têm aumentado na última década, já que os moradores gostam de permanecer no bairro, que é um pouco mais afastado do centro.

Entre os principais destaques do Tristeza estão o Parque Natural do Morro do Osso, a feira do artesanato e orgânicos da Avenida Otto Niemeyer e o Shopping Paseo Zona Sul. Com poucos minutos de carro é possível acessar lugares como o Iate Clube Guaíba e o famoso Barra Shopping.

Menino Deus

Esse é um dos bairros porto-alegrenses que encontra um bom equilíbrio entre a natureza e o agito da noite. Na região Centro-Sul da capital, o Menino Deus abrange parte da orla do Lago Guaíba. E não é qualquer parte, mas sim a área do famoso Parque Marinha do Brasil. 

É ali que muitos gaúchos se reúnem para curtir o fim de semana e o pôr do sol com uma vista especial. Além deste parque há também o espaço Maurício Sirotsky Sobrinho, como opção de atividade ao ar livre.

O Menino Deus é considerado um bairro de classe média alta ideal para famílias ou jovens que prezam por uma boa localização. Fica a poucos minutos da Cidade Baixa, reduto importante da noite boemia porto-alegrense.

O comércio é variado e o bairro conta ainda com dois pontos bastante conhecidos, o Shopping Praia de Belas e o estádio do Sport Club Internacional. Também ficam no bairro os importantes Hospital de Clínicas e o Hospital Mãe de Deus.

E então, qual desses bairros de Porto Alegre se alinha mais com as suas expectativas para o futuro?

nv-author-image

Rebeca Müller

Rebeca Müller é formada em Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e especializada em Finanças pelo Instituto Coppead de Administração da UFRJ. Depois de 11 anos atuando diretamente com Planejamento Financeiro e Orçamentário em empresas privadas e órgãos públicos, Rebeca descobriu uma nova vocação: comunicação. Hoje, ela escreve para a Zelas Finanças, e seu conteúdo conta com a rica bagagem que acumulou ao longo de sua trajetória no mercado financeiro.

Marcações: